Trocar mimos depois do sexo faz bem

Posted on 12/27/2014 by UNITED PHOTO PRESS MAGAZINE


Um estudo desenvolvido por um grupo de cientistas da Universidade de Toronto provou que os casais que trocam mimos depois do sexo estão mais satisfeitos com a sua vida sexual.

Um estudo recente, publicado na revista Archives of Sexual Behavior, revelou que os casais que trocam mimos depois do sexo sentem-se mais satisfeitos com a sua vida sexual e com a sua relação, refere o site Mic. A investigação, desenvolvida por um grupo de cientistas da Universidade de Toronto, mostrou também que, para a maioria, a troca de afetos é mais importante do que os preliminares ou até do que o próprio sexo.

Para o estudo, o grupo de investigadores inquiriu 335 pessoas (138 homens e 197), que estavam numa relação amorosa, de modo a detetar padrões e correlações de comportamento. O inquérito incluiu questões relativas à satisfação sexual dos casais, felicidade, hábitos sexuais e a frequência com que trocam mimos depois do sexo. Foram depois questionados 101 casais, de modo a perceber os seus os hábitos diários. Durante três semanas, estes responderam diariamente a questões relacionadas com as suas vidas sexuais e satisfação face à relação.

Os dois inquéritos permitiram concluir que os casais que passavam mais tempo a trocar afetos depois do sexo sentiam-se mais satisfeitos sexualmente e em relação ao relacionamento. Mas porque é que os mimos são tão importantes? Para Amy Muise, co-autora do estudo, tratam-se de uma “recompensa positiva depois do sexo”. “Fazem com que nos sintamos bem e aproximam-nos um do outro”, disse à revista Women’s Health Magazine. “Penso que os casais deviam ter consciência de que o período depois do sexo pode ser particularmente importante para criar uma ligação e que pode reforçar os sentimentos de satisfação sexual e relacional”, afirmou.

Os investigadores descobriram também que os benefícios dos afetos depois do sexo podem ser ainda mais importantes para casais com filhos e para as mulheres, para as quais a relação depende mais disso do que para os homens. Mas, para estes, também existem benefícios, já que contribuem para uma relação mais saudável e para uma parceira mais satisfeita. Para além disso, o toque pode ter grandes benefícios físicos e mentais. Estudos recentes mostraram que os abraços podem reduzir o stress, a ansiedade, a depressão e reforçar o sistema imunitário. Uma outra investigação, concluiu que os casais que dormem juntos tendem a ser mais felizes do que aqueles que não dormem.